Coluna do Hélio Coelho: Cadê a intervenção militar?


Muita gente ainda se lembra da campanha eleitoral para presidente da República em que vários artistas, principalmente Gilberto Gil, cantavam “Lula lá…” Agora nas redes sociais até o atual hit “Caneta azul” é parodiado para, em vez de “Lula lá…”, estão a cantar “Lula ladrão”. Ao lado disso, vejo na imprensa que a caravana do Lula pelo Nordeste estaria sendo um fracasso.


Antes da soltura do ex-presidente da prisão, beneficiado por uma decisão questionável do STF, especulava-se que haveria uma intervenção militar no País. Nada disso aconteceu e, certamente, não acontecerá pois o Lula solto parece não oferecer risco à normalidade brasileira. O artigo 142 da Constituição diz que as Forças Armadas “destinam-se à defesa da Pátria, à garantia dos poderes constitucionais e (…) da lei e da ordem.”
Ainda bem que podem ser juntados os cacos econômicos deixados pelos governos do PT, sem maiores consequências políticas.

Ninguém esquece da última intervenção militar no Brasil, liberada de forma lenta e gradual. Daí os então terroristas e comunistas tomaram conta do governo federal até o final do ano passado e o estrago que causaram no Brasil todo mundo sabe.


Visualizações: 132 vezes | 1 visitas hoje

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Estatísticas
  • 1.032.885
Arquivos