OPINIÃO E POLITICA POR CÉSAR SABÁ

5 de maio de 2019 0 Por Jonas Filho

CADÊ O CONTAINER QUE TAVA AQUI?


Logo no primeiro dia de sua administração, o atual gestor fez questão de mostrar que a limpeza seria algo, literalmente, levado a sério no seu governo. Exemplo disso foi o que aconteceu na Cohab. Lá, subiu em um trator, engatou a primeira e saiu recolhendo um monte de lixo deixado de presente por seu antecessor. Em seguida, se abraçou com uma moto-serra e partiu em vários pedaços alguns galhos que se misturam ao lixeiro formado ali ha poucos dias. Tudo filmado e amplamente divulgado nas redes sociais. Para seus correligionários, era o início de um novo modo de cuidar da limpeza da cidade.

Mas a verdade é que pouco tempo depois desse espetáculo, o que se sentiu foi uma redução brutal na qualidade do serviço de coleta de lixo, que na administração passada, já era péssima. O governo gentilista, pasmem, conseguiu com suas decisões, piorar, e muito, o que era motivo de reclamação constante na época dos Coutinhos. As ações, ou faltas destas, tem deixado a população revoltada. A mais nova invenção do atual prefeito foi mandar retirar dezenas de containeres que auxiliavam a limpeza pública. Como cada container suporta a mesma carga de uma caçamba, o que a atual gestão fez,equivale a mandar retirar dezenas de caçambas que ajudam a coletar o lixo da cidade. Para deixar a população ainda mais indignada, no lugar dos contentores, foram colocadas placas dizendo: Proibido jogar lixo. Sujeito a multa e detenção. 9.605/98 – lei de crimes ambientais. Aqui é limpeza. Fora sujão. Denuncie (99) 98148-3860.

A atual gestão,que já disponibiliza um serviço de coleta totalmente irregular, ao retirar dezenas de containeres, e no lugar destes fixar placas de “proibido jogar lixo”, acaba deixando a população,literalmente, num beco sem saída, pois imagine alguém saindo de casa com sacolas de lixo por 30, 200 metros e quando chega ao local percebe que não existe mais o recipiente de coleta e sim placas proibitivas. O que você faria diante dessa situação? Voltava com as sacolas de lixo para casa, para esperar dias pela caçamba para assim, compensar a incompetência da prefeitura ou deixaria o lixo, ali, onde deveria existir um contentor?

Diante do exposto, torna-se imperioso a imediata volta destes contentores para os seus devidos locais de coleta. Enquanto isso não acontece, o (a) cidadão (a) deve acionar sim, o disque denúncia, mas antes de denunciar, perguntar: cadê o container que tava aqui?


(Visualizações: 143 vezes | 1 visitas hoje)