Projeto de Ozonioterapia carece de sanção em Caxias para tratar possíveis vítimas de Coronavírus

A China foi o epicentro da epidemia de Coronavírus que se alastrou pelo mundo. Porém, lá a ozonioterapia é uma prática médica reconhecida há décadas e os pacientes internados na UTI que foram submetidos ao procedimento tiveram alta com mais rapidez e sem as eventuais complicações do vírus em questão.
Em Caxias no ano passado o médico e vereador, Dr. Magno Magalhães, criou um projeto de lei que institue a ozonioterapia como procedimento médico pelo SUS no âmbito municipal. Caxias será a segunda cidade no Brasil a promover o método, seguida de Carapicuíba em São Paulo, que teve o projeto realizado pelo Executivo daquela comarca.
No entanto, o projeto carece da sanção do prefeito Fábio Gentil para que assim os caxienses possam ter mais uma arma contra o tão temido Coronavírus.

Escrito por Magno Magalhães


Visualizações: 121 vezes | 1 visitas hoje

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Estatísticas
  • 1.046.626
Arquivos